Exaustão no fim de ano: Como lidar com o Natal quando você se sente sobrecarregado

Como lidar com a exaustão no fim de ano?

Faltam duas semanas para o Natal, e como você está se sentindo? Já no modo pré-férias ou momento de trabalho, ou esgotado, estressado com tudo que tem que ser feito até fim de ano chegar? Se você está no time exaustão, não será o único.

Tem o inevitável aumento de trabalho antes de sair de férias. Tem também o estresse de atividades sociais, jantares e amigos secretos com vários grupos para fechar o ano feliz e reunido com todo mundo.

Sem falar no Natal em si, pensando em presentes para a família toda, shoppings lotados e as preparações para a ceia. É claro que também tem o estresse de lidar com membros da família com quem a gente não se dá tão bem. Pensando assim é fácil de entender como a época mais mágica do ano pode nos deixar nos sentindo sobrecarregados e estressados.

Eliza Rinaldi usa vestido midi com estampa de vaca, preto e branco e botas de cano baixo brancas. Ela está encostada em uma parede branca.

Aceitar:

Reconhecer que tudo bem se sentir ansioso, estressado e sobrecarregado quando as cobranças de nossas vidas ultrapassam o que podemos fazer. Seja legal com você mesmo.

Esclarecer valores:

Considerar o que é mais importante para você no fundo. Às vezes a pressão de ter o Natal perfeito pode nos fazer investir um excesso de energia nas coisas que, no final das contas, não são tão importantes. Isso vale em dobro para as mães! Pensar no foco que você quer no período de festas. Se onde você está colocando sua energia e tempo atualmente não reflete isso, considere fazer alguns ajustes.

Talvez você goste também: 5 Maneiras de Praticar Autocuidado e Minimizar o Estresse na Reta Final do Ano

Definir limites:

A época de Natal pode aumentar nosso sentido de obrigação em relação aos outros, particularmente se temos a tendência de querer agradar todo mundo. Reavalie os limites que você estabelece nos seus relacionamentos. Podem ser relacionados ao seu tempo, comunicação ou planos. O que é aceitável para você? O que não é? Defina seus próprios limites com antecipação para estar pronta para defendê-los se necessário.

Fazer o que importa:

O que te traria alegria, vitalidade e propósito no Natal? O que mais importa para VOCÊ? Seja proposital em fazer tempo para isso. Autocuidado conta, às vezes o que mais importa é paz, descanso e conexão com os que nos traz energia. Não tem nada errado com isso.

Eliza Rinaldi está encostada em uma parede branca, com a mão na cintura e olha de frente para a câmera. E aí, você está sentindo a exaustão do fim de ano?

Tomar um tempo para refletir:

Será que o estresse ou a ansiedade nesta época do ano reflete uma sensação maior de insatisfação com sua vida? Tirar um tempo para pensar onde você gostaria de estar no Natal do ano que vem. Tomar o controle das nossas vidas e nos empoderar para implementar mudanças positivas é uma ótima maneira de começar a nova década!

More from Eliza Rinaldi

Drinque da semana: Aprenda a fazer o clássico dos clássicos, Bloody Mary

Hoje é o dia do clássico dos clássicos, o Bloody Mary, um...
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *