Guarda-roupa compartilhado – Forma mais sustentável de seguir as tendências

Celular com logo de reciclagem na tela (3 setas que formam um triângulo), sobre uma sacola branca de linha. A ideia é falar sobre sustentabilidade, tendências da moda e como o guarda-roupa compartilhado pode ajudar.

O conceito de alugar uma peça de roupa para um evento especial, como uma festa de formatura ou um casamento, não é uma novidade, e por sinal continua sendo uma boa opção para roupa de festa.

Mas a ideia de um guarda-roupa compartilhado traz uma nova dimensão ao seu guarda-roupa. Permite experimentar tendências sem gastar com peças de apenas uma temporada, além de dar uma renovada constante no seu visual sem entrar no ciclo vicioso de consumo em excesso. Nasce da ideia de sustentabilidade junto com um senso de comunidade colaborativa, pois emprestar algo do armário de uma amiga não é novidade.

Consumo consciente não é apenas modinha, o paradigma está mudando, e nosso jeito antigo de consumir não nos serve mais. Já falamos muito sobre os efeitos colaterais de fast fashion no meio ambiente e questões éticas da cadeia de produção. É necessário sim repensar a nossa relação com o consumo construindo um guarda-roupa funcional de peças atemporais feitas para durar.

Fazer parte de um projeto de guarda-roupa compartilhado te dá acesso a um acervo de roupa repleto de opções, permitindo a você experimentar com um visual novo sem se comprometer, quase o Netflix do guarda-roupas!

Selecionamos alguns serviços de guarda-roupa compartilhado em São Paulo, no Rio de Janeiro e no sul, a maioria com assinaturas mensais!

Serviços de guarda-roupa compartilhado para você começar já!

Modelo branca veste top e calça pretos e um colete bege do acervo da Roupateca, Entre Nós. Ela está em pé com as mãos nos bolsos e olha para a câmera.

Roupateca, Entre Nós

(São Paulo)

@roupateca

http://aroupateca.com/

A Roupateca, Entre Nós conta com um acervo de peças de pessoas e de marcas. Para ter acesso, é preciso assinar um dos planos mensais oferecidos. Os planos mudam de acordo com a quantidade de peças emprestadas, mas todos têm a mesma dinâmica: é possível trocar peças todos os dias; dá pra ficar até 15 dias com a mesma peça; e a roupa emprestada deve ser devolvida lavada e minimamente passada. Em caso de perda ou dano, é preciso pagar pela peça e neste caso vale o preço informado na etiqueta. Os preços dos planos variam entre R$ 150 e R$ 500.

Modelo branca de cabelos castanhos, está de olhos fechados, sorrindo, de braços estendidos para cima, contra o céu. Ela usa uma camisa estampada e brincos de argolas grandes.

Blimo – Biblioteca de Moda

(São Paulo/Santos)

@blimooficial
https://www.blimonline.com.br/

A Blimo funciona por meio de assinatura mensal, válida por quanto tempo você quiser. A cobrança é feita todo mês na data de adesão. Há também a possibilidade de emprestar peças avulsas. Assinando o plano, dá para ficar até dez dias com o que escolheu ou trocar de peça todos os dias. E o guarda-roupa conta com acervo que inclui peças plus size. O número de peças muda de acordo com o plano contratado. E os valores variam entre R$ 100 e R$ 190.

A modelo veste macacão vermelho sobre blusa laise branca do guarda-roupa compartilhado Nosso Closet Clube. Ela usa um brinco grande preto e vermelho e tem o cabelo curto castanho escuro.

Nosso Closet Clube

(Niterói)

@nossocloset.clube

Localizado em Icaraí, Nosso Closet é também um guarda-roupa compartilhado que oferece planos mensais para empréstimos. É cobrado um valor fixo por mês e o sistema opera por pontos. Roupas do dia-a-dia têm uma pontuação, enquanto peças mais sofisticadas têm outra. Os planos variam de acordo com o número de pontos que você quer para trocar por peças e um limite de peças que pode pegar por vez. Os valores variam entre R$ 100 e R$ 350.

Temas similares ao do guarda-roupa compartilhado

Na mesma pegada de moda e sustentabilidade, você poderá gostar dos seguintes artigos: Conheça o Desguarda Roupa – Um Coletivo que Promove o Consumo Consciente de Moda e Fast Fashion Pode Realmente Ser Sustentável?

More from Eliza Rinaldi

7 cremes naturais para manter suas mãos hidratadas

Álcool em gel e lavar bem as mãos nunca foram tão importantes...
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *