Mini guia de Buenos Aires com as coisas que sempre faço quando estou na capital portenha!

Mini guia de Buenos Aires com as coisas que sempre faço quando estou na capital portenha! por Estilo ao Meu Redor

Quem não gosta de Buenos Aires? Rica em cultura e calçada largas, é muito fácil sentir que um voo de aproximadamente duas horas de São Paulo te levou diretamente para a Europa. Com o peso ainda favorável contra o real e vinhos de preços deliciosamente acessíveis, essa linda cidade sempre vai ser um destino desejável. Procure qualquer guia de Buenos Aires e você encontra dicas de passeios lindos como o cemitério da Recoleta, Calle Florida e La Boca entre outros. Todos válidos, porém bem turísticos.

Como eu tenho a sorte de ter família estendida na cidade, nos últimos anos defini meu roteiro pessoal de atividades e passeios turísticos, mas menos batidos. Assim tenho realmente uma sensação de estar desfrutando o melhor da cidade. Espero que gostem!

Curtir um show de jazz

Buenos Aires praticamente pede um show de jazz e como meu acompanhante é um aficionado, minhas viagens sempre envolvem pelo menos um show. Esses são dois dos lugares mais charmosos para escutar um jazz na cidade.

Thelonious Club foi nomeado pelo DownBeat como uma das melhores casas de jazz do mundo! Música intimista e luzes baixas criam o mood desse lugar único, com música improvisada pelos melhores músicos de jazz! Agora no seu novo endereço na Nicaragua 5549 – Palermo

Mini guia de Buenos Aires com as coisas que sempre faço quando estou na capital portenha! por Estilo ao Meu Redor

Notorious é um clássico de Buenos Aires. Quando entrei na loja de discos que fica na frente, nunca imaginei a verdadeira Nania que era o espaço atrás da cortina. A ampla casa de shows e restaurante tem música ao vivo todas as noites. A agenda é super qualificada. É também um bom lugar para escutar música brasileira, com curadoria de Juan Trasmonte. Os shows começam às 21h30.
Callao 966 – Palermo

Mini guia de Buenos Aires com as coisas que sempre faço quando estou na capital portenha! por Estilo ao Meu Redor

Garimpar

Eu adoro um bom brechó e Buenos Aires tem uma boa oferta, mas o meu preferido é o Juan Perez que talvez seja o maior brechó da cidade! Tem de tudo e para todo bolso! São duas lojas, mas a maior fica na Marcelo. T. de Alvear 1441. O que eu mais gosto de Juan Perez é que a loja é dividida por seções brechó e vintage pret à porter (ou alta costura), marcas nacionais e internacionais. O que significa que dá para comprar uma peça brechó baratinha enquanto fica de olho nos mules Vintage Hermès que estão te chamando!

Mini guia de Buenos Aires com as coisas que sempre faço quando estou na capital portenha! por Estilo ao Meu Redor

Drinques La Faena

La Faena Buenos Aires, situada em Puerto Madero em um antigo armazém de 1902, conhecida como El Porteño, é o hotel mais luxo de Buenos Aires. O projeto do arquiteto francês Philippe Starck procurou recriar o espírito da Belle Époque: surge o Hotel Faena + Universe. Mesmo se o valor de estadia não seja viável para o seu (ou o meu orçamento) nada impede você de sentir um pouco dessa visão. Minha dica é visitar o hotel para um drinque pré-jantar no bar, The Library Lounge. Coberto de livros antigos e envolvido em veludo vermelho, é um espaço íntimo com confortáveis sofás de couro, esplêndidos tapetes e candelabros de cristal. Desfrute o ambiente decadente e tome coquetéis à noite com entretenimentos ao vivo.

Mini guia de Buenos Aires com as coisas que sempre faço quando estou na capital portenha! por Estilo ao Meu Redor

MALBA

O “Museu de Arte Latinoamericano de Buenos Aires” MALBA é sem dúvida o item mais turístico deste gui de Buenos Aires, mas vale a pena visitar mais de uma vez. Com o objetivo de difundir a arte da América Latina a partir do século XX, o Malba tem no seu patrimônio uma coleção permanente de obras de artistas como Tarsila do Amaral, Diego Rivera, Frida Kahlo, Xul Solar, David Alfaro Siqueiros, Candido Portinari, Emilio Pettoruti, Antonio Berni e Joaquín Torres García.

Mini guia de Buenos Aires com as coisas que sempre faço quando estou na capital portenha! por Estilo ao Meu Redor

Compras em Palermo

Palermo sem dúvida é o bairro onde chique e turista se encontram. Mesmo não sendo um dos lugares mais econômicos para fazer compras, evite só cair nas lojas de rede e fique atenta às boutiques independentes que oferecem os melhores de jovens estilistas argentinos. Eu gosto muito da marca sem gênero Kostume, que além de vender online, tem loja física na Gurruchaga 1585, Palermo

Tango La Catedral

La Catedral é um templo tangueiro super alternativo e um dos lugares mais mágicos de Buenos Aires! O espaço mistura a aura sagrada de uma catedral com a desordem boêmia e alegre de uma tenda de circo e ainda o astral de uma galeria de arte! Instalada num prédio de 1880, construído para abrigar um armazém de grãos, já foi também uma leiteria e um açougue. No fim dos anos 1990, o espaço foi todo reformado neste lugar charmoso, decorado com mobiliário usado encontrado pela cidade. Um dos melhores lugares de tango da cidade, segredo bem guardado, mistura de underground com ponto turístico. Sarmiento, 4406 (sem placa na porta para denunciar o segredo)

Bar Omm

Bar Omm é localizado no bairro de Palermo Hollywood, caracterizado por boa música eletrônica, bom atendimento e um cardápio extensivo de drinks. Happy Hour é entre 19h e 21h dando uma ótima oportunidade de experimentar coquetéis autorais da casa junto a deliciosos tapas servidos em tablas de madeira.

Mini guia de Buenos Aires com as coisas que sempre faço quando estou na capital portenha! por Estilo ao Meu Redor

O Verdadeiro Tango Portenho

Conheci o Bar El Faro por acaso uns anos atrás. Tinha acabado de chegar em Buenos Aires e ia passar apenas uma noite em um Airbnb antes de ir para Uruguai. A anfitriã era música é me levou ouvir amigos dela tocar em El Faro.

Este bar tem um histórico rico, mas durante muito tempo andou meio caído. Há poucos anos entrou num processo de revitalização, em parte graças ao projeto “El tango vuelve al barrio”, iniciativa do cantor e vizinho Hernán Cucuza Castiello.

O melhor dia é sexta, em que você encontra o bar completamente lotado. Ele entra por uma das portas laterais e é ovacionado. É como se a rua fosse o camarim. Depois, silêncio absoluto.

O Bar El Faro reúne tudo o que a gente espera de um bar portenho: três entradas, portas “vaivém”, janelas do tipo guilhotina e decoração com fotos de cantores que passaram por lá. O cardápio é pequeno. Empanadas, pizzas e picadas, acompanhadas de vinhos simples. Para chegar: tomar o subte linha B (vermelho) até a estação Etcheverria e depois caminhe ou tome um taxi. Outra opção é o trem, saindo de Retiro, até a estação Villa Urquiza.

La Clasica y Moderna

Buenos Aires não tem falta de livrarias, é um das charmes da cidade. Minha preferida é a charmosa Clasica y Moderna que fica na Avenida Callao 892. Dois terços do espaço é dedicado a um café das antigas que oferece performances ao vivo de música folclórica, jazz, bossa nova e tango. O local de reunião das massas literárias desde 1938. O fundo do espaço é uma livraria com mezanino, uma verdadeira caverna de Aladim de achados! Não deixem de passar aqui para tomar um café e sentir que está vivendo um pedaço de história!

https://www.instagram.com/p/BAaTbjOygNH/

More from Eliza Rinaldi

Um mundo sem homens…

Outro dia, estava comprando lembranças para levar para família e amigos em...
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *