Conheça o Desguarda Roupa – Um coletivo que promove o consumo consciente de moda

Desguarda Roupa – Um coletivo que promove o consumo consciente de moda

Sabemos que precisamos mudar nosso relacionamento com a moda para sermos mais sustentáveis e, como escrevi nesse post anterior, a ideia perpetuada pelas redes Fast Fashion de que roupa é descartável não cai bem em nossas consciências.

Consumo Consciente, sem dúvida, é a frase do momento. Mas o que isto significa para os amantes de moda e estilo que queiram adotar medidas mais sustentáveis em cada área de suas vidas?

O Desguarda Roupa chegou para ajudar a solucionar este problema: um coletivo que repensa e incentiva as novas relações com a moda e promove um consumo consciente.

Como começou…

O Desguarda Roupa nasceu de projeto criado pela estilista Bruna Castro como um serviço de upcycling de peças mal aproveitadas. Uma solução criativa para transformar as peças complicadas que não fazem parte do seu guarda roupa funcional.

Bruna estava decepcionada com os problemas da indústria da moda, em que o trabalho criativo é cada vez menos explorado em sua área e a padronização ganha mais força para a venda de peças pouco duráveis. “Queria valorizar a moda como ferramenta sociocultural” ela diz.

Em maio, a jornalista de moda Nádia Mello levou uma peça e as duas se identificaram na visão que tinham de moda. Diante desse encontro de ideias, Bruna percebeu que o projeto poderia ser algo maior e além de transformar peças, provocar uma forma de transformação que gostaria de ver na moda. “Abri o Desguarda Roupa para ser um coletivo e dar voz sobre a importância do consumo consciente”, contou.

Desguarda Roupa – Um coletivo que promove o consumo consciente de moda

O que eles oferecem

O recém lançado site do Desguarda Roupa foi um dos projetos mais desejados pelas parceiras Bruna e Nádia porque significa a voz do coletivo. O editorial traz a valorização de todas as formas de beleza, serviços e trabalhos ofertados e o conteúdo voltado para histórias construídas através das buscas por novas relações que podemos construir com a moda.

Os serviços oferecidos no site incluem o upcycling, consultoria de personal stylist voltada ao consumo consciente. Outros serviços são consultoria para empresas, cursos e palestras sobre moda como ferramenta sociocultural, conteúdo (para blogs e sites) e editoriais.

Próximos passos para falar de consumo consciente

Um dos próximos projetos do coletivo é um guarda-roupa compartilhado para promover o consumo consciente em comunidades. Tudo voltado a buscar novas formas de consumir com consciência e transformar o mundo num lugar melhor e mais justo.

As fotos foram retiradas do site e são de Rômulo Queiroz e Daniela Boechat.

Tags from the story
,
More from Eliza Rinaldi

Stylist Manu Carvalho estreia programa na nova Rádio Vozes

Nesta segunda, a stylist das famosas e consultora de moda Manu Carvalho...
Read More

1 Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *